Algodão

(Luiz Gonzaga e Zé Dantas) 
 

Bate a enxada no chão

Limpa o pé de algodão

Pois pra vencer a batalha

É preciso ser duro, ser forte, valente

Ou nascer no sertão

Tem que suar muito

Pra ganhar o pão

Pois a coisa lá

Não é brinquedo não

 

Mas quando chega

O tempo rico da colheita

Trabalhador vendo a fortuna, se deleita

Chama a famía e sai

Pela roçado vai

Cantando alegre

Ai, ai, ai, ai, ai, ai

 

Sertanejo do Norte

Vamos plantar algodão

Ouro branco

Que faz nosso povo feliz

Que tanto enriquece o país

Produto do nosso sertão

 

78 RPM 1953