Balanço do Calango

( Luiz Gonzaga e J.Portella)
 

Ôi lelê, calango ê

Ôi lelê, calango á

 

No balanço do calango

Quero ver calangueá

O calango vem de Minas

Fui eu que mandei buscar

Dança velho, dança moço

Qualquer um pode dançar

 

Desculpe dono da casa

Eu dançá de pé no chão

Eu cheguei de muito longe

Não sabia da função

 

Tô caçando um sanfoneiro

Na sanfona bom que trove

Vou chamá José meu mano

Pra tirá prova dos nove

 

Mete o dedo na sanfona

Quero ver baixo falá

Sanfoneiro quando é bom

Não deixa o baile esfriá

Quem não pode, não ensina

Deixa quem pode ensiná

Quem não pode com mandinga

Num carrega patuá

 

78 RPM V800527a 1947