Bamboleado

(Luiz Gonzaga e Miguel Lima)

 

Mas que ritmo quente

Que bamboleado

Que tem o maxixe

E o samba rasgado

Que até faz a gente

Só descontrolar

Ao som do maxixe

A gente enloquece

Da vida se esquece

Começa a sambar

Samba ôio

Ô samba iaiá

 

Com rima e cadência

Do samba, enloqueço

Da vida me esqueço

E começo a sambar

Eu tenho no corpo

O micróbio do samba

Macaco me lamba } bis

Se eu não requebrar

LP: XAMEGO; 1958; RCA VICTOR