Chorei Chorão

(Luiz Gonzaga/ Lourival Batista)

 

Chorei, chorei, chorei, chorão

Chorei sem ser chorão

 

Deixei o amor lá no sertão

Por que não chorar, não?

Se lá ficou meu coração

Por que não chorar, não?

 

Amor é coisa que vem à toa

A gente gosta, a coisa é boa

Mas quando acaba

De sofrimento, de paixão

A gente chora, chora

Até virar chorão

 

Pois a bichinha

Era muito gostosinha

Me dizia todo dia

Que só eu era seu bem

 

Dessa maneira

Qualquer um a vida inteira

Desmanchava em choradeira

Eu chorei, ela também

78 RPM V801998a 1958