Forró de Zé do Baile

( Severino Ramos)

 

O forró do Zé do Baile

Tá pegando fogo

Tá pegando fogo

Tá pegando fogo } bis

 

Não é mais preciso

A gente ir pro Norte

Pra dançar baião, mem arrasta-pé

Porque aqui mesmo no forró do Zé

A gente se espalha do jeito que quer

 

Lá tem sanfoneiro

Que toca e que canta

Mulé que encanta aquele salão

E o Zé do Baile comanda a festança

Todo mundo dança com satisfação

O forró do Zé é organizado

É fiscalizado pelo próprio Zé

Se uma mulé cortar cavaleiro

Vai logo ligeiro fazer o café

A TRISTE PARTIDA; 1964; RCA VICTOR