É Sem Querer

(Onildo Almeida e Luiz Gonzaga)

 

É por amor

Que agente vive a sofrer

É sem querer

Que a gente sofre por amor

O meu amor

Eu dediquei só a você

E foi você

Quem não quis mais o meu amor

 

É sem querer

Que a gente sente uma saudade

Quando acontece

De perder um grande amor

E quando a gente

Perde a felicidade

Não tem tamanho

O tamanho dessa dor

 

Você também perdeu

Você também sentiu

Você não me esqueceu

Você foi quem partiu } bis

A NOVA JERUSALÉM; 1974; Odeon