Já Era Tempo

( Luiz Gonzaga e João Silva)

 

Ai, cumpadre tá na hora

Pegue a jega, dá na espora

De banda, vamos embora

De poeira afora

Vamos sumir na poeira

Poeira com nosso fifirifom

Prá um lugar

Que forró todo tempo é bom

Aonde o fole velho

Toca o ano inteiro

E o forrozeiro

Esbandáia o coração

Fungado na morena e tome

E tome cheiro

E o sanfoneiro

Todo tempo tem razão

VOU TE MATAR DE CHEIRO; 1989; Copacabana