Já vou Mãe

(Dominguinhos e Anastácia)

 

Mãe eu vou me embora

A hora chegou

Deixo a senhora aqui

Vou contra meu gosto

Mas eu vou

 

Um dia eu volto

Para lhe buscar

Vou lhe fazer um pedido

Lembrando de mim

Não precisa chorar

 

Vou partir, mas lembrarei

De escrever uma cartinha

Mas não vou agüentar

Ficar tanto tempo

Sem poder lhe falar

Que seja ao menos por carta

Mas com a senhora

Eu vou conversar

 

Ande logo mãe

O carro já vai sair

Fique na porta e só entre

Quando na estrada eu sumir

 

Ao ouvir a buzina

Num adeus que é meu

Reze mamãe, peça a Deus

Felicidade para um filho seu

SERTÃO; 1970; RCA VICTOR