Mamulengo

(Luiz Bandeira)

 

Fala, fala mamulengo

Vai gracejando prá nos divertir

Fala, fala mamulengo

O mundo inteiro necessita sorrir }bis

 

No teatro de mamulengo

Nhem, nhem, nhem

Do povão se destrair

Nhem, nhem, nhem

É artista bom de quengo

Gente que faz mamulengo

E também quem sabe rir

 

Zé Cabide, moleque afoito

Nhem, nhem, nhem

Enxerido, safadão

Nhem, nhem, nhem

Pede a Zefa um carinho

Nega me dá um tiquinho

E ela diz: dou não

 

Quem mexer com a mãe do Zé

Nhem, nhem, nhem

Contra quem o Zé investe

Nhem, nhem, nhem

Dar resposta resoluta

Vou jantar você na luta

Cafuçú, filho da peste

O HOMEM DA TERRA; 1980; RCA