Quarqué Dia

(Jairo Argileu e Heron Domingues)

 

Quarqué dia, Quarqué dia

Eu vou deixar de sofrer

Boto o matulão nas costas

Para o mundo percorrer

Primeira coisa que faço

É me esquecer de você } bis

 

Se argum dia eu voltar

Triando esta mesma estrada

Com você não quero nada

Com você não vou morar

Prefiro morrer de saudade

Sozinho no meu penar } bis

78 RPM V801827a 1957